Certificações ISO: garantia de qualidade e segurança

Certificados ISO

Todo empreendedor já ouviu falar sobre certificações ISO. Nem todos eles, por outro lado, conhecem de fato o significado desses documentos e qual a relevância de obtê-los para atingir o sucesso. A ERPLAN vai te ajudar a entender o que é a International Organization for Standardization (ISO) a partir da análise da relevância de certificados como OHSAS 18001, ISO 14001 e ISO 9001.

Certificações ISO garantem qualidade e segurança

O que é a ISO?

A ISO é uma entidade de normatização e padronização fundada em Londres, Inglaterra, no ano de 1947. A escolha de se padronizar a sigla para todos os países do globo, mesmo com as diferenças entre os idiomas, deve-se ao fato de que “iso” significa “igual” em grego, corroborando com o propósito da entidade.

O objetivo da instituição é elaborar e aprovar normas internacionais de padronização em variados campos técnicos – como normas técnicas e normas para procedimentos e processos. Assim, uma empresa que tem esse certificado está preparada para atender com excelência de maneira regular e satisfatória.


Empresas que se certificaram com a ISO já aderiram as Melhores Práticas de Gestão à sua cultura organizacional.
Saiba mais sobre as boas práticas SST  clicando aqui.


As principais certificações

OHSAS 18001 – ISO 45001

A primeira certificação da lista passou por alterações recentemente. Se antes as diretrizes para gestão de saúde e segurança ocupacional eram ditadas pela OHSAS 18001 – formulada pela BSI, uma espécie de ISO britânica, agora o documento que trata desses requisitos é a ISO 45001.

Por tratar de todo tipo de risco à saúde ou segurança dos colaboradores no ambiente de trabalho, essas são duas das certificações mais buscadas por empresas no Brasil e no mundo. De maneira simplista, a OHSAS 18001 determina as diretrizes para a implementação de Sistemas de Gestão de Segurança e Saúde do Trabalho.

Com abordagem sistemática, a norma determina como se deve identificar, eliminar e reduzir riscos relacionados aos perigos presentes no seu empreendimento. Dessa forma, a adoção dos certificados tem como principais benefícios:

  • Redução de acidentes e perigos;
  • Menos paralisações na produção devido à problemas de segurança;
  • Sistematização das atividades e consequente ganho de eficiência e produtividade;
  • Valorização da imagem da empresa, dado o comprometimento da instituição com a segurança e bem-estar dos funcionários.

A ISO 45001 atualizou, modernizou, padronizou e internacionalizou as exigências para uma empresa se tornar certificada. Se antes a OHSAS ampliava ao mundo todo as regras britânicas, agora a ISO determinou regras mais abrangentes que valerão para todos os países.

Entretanto, haverá um período de transição para que empresas certificadas pela BSI se adequem às exigências da ISO. O prazo segue até março de 2021.

ISO 14001

A ISO 14001 determina as diretrizes básicas de implementação de um Sistema de Gestão Ambiental. Essa certificação costuma ser suficiente para que se faça exportações – é costume exigir certificados para alguns tipos de atividades – e obtê-la demonstra comprometimento com o desenvolvimento sustentável.

A base desta certificação é o Levantamento de Aspectos e Impactos Ambientais para a elaboração de práticas e determinação de metas ambientalmente sustentáveis. A adoção desta norma garante que se estabeleça ou aprimore sistemas de gestão ambiental e, assim, criem-se políticas e práticas de segurança sustentáveis para clientes e para a sociedade.

O grande benefício da ISO 14001 é estar em conformidade com a lei. Assim, será mais fácil cumprir com requisitos legais a partir da identificação, monitoramento e manutenção dos requisitos ambientais necessários para a sua área de atuação.

Os principais benefícios são:

  • Melhor gestão ambiental, com redução de emissão de resíduos e utilização de menos energia;
  • Redução de custos a partir de ganho de eficiência;
  • Ampliação de oportunidades de negócio ao se adequar a requisitos legais;
  • Preparação prévia para mudanças em segurança a partir da coleta de dados permanente.

ISO 9001

A última das principais normas é a ISO 9001. Esta norma determina os requisitos para a implantação de Sistemas de Gestão de Qualidade com o objetivo de atendar demandas do cliente para aumentar sua satisfação, ter melhor visão sobre a sua organização a partir de processos e possibilitar acompanhamento de resultados.

A base da norma é o famoso Ciclo PDCA. A partir da sequência de se planejar, fazer, checar e agir, será possível seguir os seguintes princípios fundamentais para o controle de qualidade:

  • Foco no cliente;
  • Liderança;
  • Abordagem de processo;
  • Envolvimento das pessoas;
  • Melhoria contínua;
  • Tomada de decisão pautada em indicadores.

Quais os riscos de se negligenciar certificações ISO?

Apesar de todos os benefícios trazidos pelos processos padronizados da ISO, nem sempre os riscos de não certificar o seu negócio ficam claros. Para a ERPLAN, o valor de uma empresa certificada é maior do que qualquer possibilidade de ganho financeiro.

Estar certificado é garantir a clientes e parceiros que as coisas estão em seus devidos lugares. Garante-se que a organização em questão se atenta à necessidade de estabelecer sistemas, controlar processos e ter em mente indicadores para tomar decisões, formar parcerias ou até mudar a direção do negócio. Sem isso, você mina a eficiência do seu negócio e é provável que os resultados obtidos fiquem muito aquém do desejado.

Com controles de Saúde, Segurança, Meio Ambiente e Qualidade (SSMAQ), o seu negócio passa credibilidade ao mercado e, consequentemente, a empresa passa a imagem de ter uma cultura organizacional forte. Com processos bem definidos, os projetos acontecem de maneira mais fluida. E, aí sim, os resultados financeiros aparecem.

Conte com a ERPLAN para desenvolver um bom Sistema de Gestão Integrada, que seja adequado à realidade e às necessidades do seu negócio e eleve os níveis de segurança e eficiência. O SICLOPE, nosso Sistema Integrado de Controle de Operações, é uma ferramenta de gestão modular adaptável que vai facilitar a obtenção e manutenção de certificados.